~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*. .Nosso Perfil. ~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.
BLOG "ANJO SENSUAL"
Conteúdo Voltado Somente ao Público Adulto: "Contos, Textos, Imagem, Atualidades, Dicas de Saúde Sexual, Informações, Dicas e Links Variados".

"..ATENÇÃO..:
»PRIVAMOS PELO RESPEITO E PELO DIREITO AUTORAL!
»A maioria dos nossos textos são de autoria própria, portanto, quando não somos os autores, damos os devidos créditos e quando copiamos algo de outro Site ou Blog identificamos o mesmo!"
»Se você deseja copiar algo, avise-nos e lembre-se de respeitar a autoria!"

"OS CONTOS SÃO MERAMENTE NARRATIVOS!"
»" CASAL ANJO SENSUAL "«





~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*. .Tempo. ~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.







»Confira Nosso Arquivo«

-»Contos e Dicas by AnjoSensual
-»Contos Anteriores



»Passeio Virtual«

- "Cláudia Pit"
- "A arte de Fazer Bem Feito"
- "A menina atras da Janela"
- "Cantinho Sensual da Lali"
- "Dicas by Anjo Sensual"
- "Vanessa Oliveira"
- "ErotiCidades"
- "Nelma Penteado"
- "Sensualidade e Atualidade"
- "Sexy HelpDesk"
- "Visão Masculina"



»Indique o Blog«




~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*. .Fetiche e Fantasias. ~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.


...Sex Shop...
»Amor e Paixão«

...Sex Shop...
»Clique SexShop«

...Sex Shop...
»Darme Sex«

...Sex Shop...
»Desfrutando Sexshop«

...Sex Shop...
»Loja do Prazer«



~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*. .Sites Liberais. ~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.





~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*. .Aprovados. ~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.









~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*. .Visitas. ~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.~.*.














- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 07h42 PM
[ ]





 

Para apimentar ainda mais a relação, resolvemos alugar um DVD erótico pois, já fazia um tempo que não pegávamos esse gênero de filmes e deixamo-nos  levar pela fantasia.

Como o dia fora agitado e estávamos cansados, combinamos que o primeiro que acordasse, acordaria o outro para, no silêncio da madrugada, poder desfrutar não somente do filme, como também de uma relação completa e excitante.

Acordei e meio sonolenta percebi que a televisão estava ligada e, tentando entender  o que estava acontecendo, fiquei observando.

Como combinamos, ele acordou, colocou o filme e, querendo curtir uns minutos de privacidade, começou a assistir o filme sem me acordar.

Percebi então que o seu membro estava ereto e duro e, curiosa e querendo ver como tudo acabaria, continuei quietinha.

Notei então que ele se tocava e, minha excitação começou a me deixar sem ar...  Sempre gostei de vê-lo se tocar e, flagrá-lo em pleno ato foi altamente excitante.

Não mais resistindo, movimentei-me na cama e permiti que ele visse que eu havia acordado. Olhei em seus olhos e maliciosamente levei um de meus dedos na boca e o outro, comecei a tocar o meu sexo que estava completamente molhado.

Olhando em seus olhos, deslizei o meu dedo lambuzado nos bicos dos meus seios que estavam rígidos e oferecendo-os a ele, comecei a tocá-los com minha língua.

Já todo excitado e não agüentando mais aquele tesão, ele se aproximou de mim e começou a mordiscar os meus seios, separou minhas pernas e, segurando-me por baixo, começou a me chupar de uma maneira especial e deliciosa.

Deslizava sua língua por toda parte e aos poucos penetrou-me gostoso.

Disse para ele ir devagar pois estava muito excitada, mas ao ouvir meus gemidos, aumentou a pressão e fez-me gozar em sua deliciosa boca.

Então, me virou de bruços, penetrou-me por trás e começou a me tocar carinhosamente, levando suas mãos aos meus seios, segurando-os com delicadeza.

Ainda não saciada e querendo mais prazer, deslizei minhas mãos em meu sexo úmido e toquei-o com a ponta dos dedos, permitindo assim que ele sentisse que eu me acariciava.

Percebendo sua excitação, comecei a alternar movimentos sensuais com gemidos e sussurros de palavras picantes. Não resisti e acabei gozando novamente.

Ele não aguentou em apenas curtir e, explodindo de tesão, gozou e me lambuzou inteira...

Exaustos, permanecemos ali deitados e abraçados, um sobre o outro e combinamos que no continuaríamos ou melhor, tentaríamos assistir o filme no dia seguinte.

  



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 11h13 PM
[ ]







- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 03h39 PM
[ ]





…»Essa Noite«…

 

Hum... Essa noite quero ser toda sua!

Só você conhece os meus segredos e consegue saciar os meus desejos...

 

Vem... Faça de mim o que quiser...

Me chame de sua, toda sua, pois sou só sua... Tua Mulher!

Mas seja carinhoso, toque o meu rosto, passeie suas mãos pelo meu corpo, deslize seus dedos em meu sexo...
Vem... me beija e me enlouqueça, me morde, me aperte e me ame...

 

Isso... Toque em meus seios, beije-os e mordisque-os...

Só você é capaz de me levar ao delírio, de me fazer gemer e de me fazer gozar e delirar...

Vem... Quero sentir os seus beijos em todo o meu corpo e depois, desça suavemente até o meu sexo e sacie sua sede...

Adoro sentir sua língua invadindo-me em busca desse mel que é todo seu.

Desse jeito você me deixa louca de desejo...

 

Agora me deixe te tocar... Quero percorrer o seu corpo em busca de novas sensações...

Deixe-me te acariciar e consequentemente te fazer arrepiar. Quero te dar prazer e fazer teu corpo todo estremecer...

Vem me deixe te chupar e não se acanhe se me lambuzar... Pois o seu gozo é saboroso e adoro senti-lo no meu rosto!

 

Vem... Que essa noite sou sua, Toda Sua!

 

                           



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 03h05 AM
[ ]





   

     Era final de semana, estávamos em casa e recebíamos alguns amigos que iriam pernoitar... Por mais que estivéssemos excitados, tínhamos que nos controlar. A conversa estava animada e, sem querer flagrei por diversas vezes o olhar malicioso dele em meu decote, em busca de algo mais ousado...

    Em seu olhar mágico e encantador podia sentir a vontade que ele tinha de me despir e me tocar e, por diversas vezes, fiquei arrepiada e senti uma leve umidade entre minhas pernas.

    Tentei disfarçar conversando como se nada estivesse acontecendo... Confesso que o clima e a situação causaram-me certa excitação e, propositalmente me sentei mais próxima dele.

Já não conseguíamos disfarçar e, para provocá-lo mudei o rumo do bate papo para algo mais apimentado e insinuante.

     Perguntei se alguém tinha alguma fantasia ainda não realizada, que tipo de posição mais a excitava, se gostava de sexo oral e, à medida que ouvíamos as respostas, ficávamos ainda mais excitados...

     Encostei-me no corpo dele e, discretamente coloquei uma de minhas mãos entre suas pernas e pude sentir que seu membro duro e bastante ereto. Tentei disfarçar, mas, até minha respiração parecia alterada.

     Então comecei a fazer carinhos em sua nuca e a beijar seu pescoço, mordiscando-o levemente... Por instante viajei e deixei com que o tesão falasse mais alto, peguei sua mão e, sob a mesa, a deslizei entre minhas pernas permitindo assim que ele sentisse a minha umidade.

     Percebi que o papo agradará a todos e, por instante cheguei a pensar que pudéssemos fazer amor ali, todos juntos. Porém o meu grau de lucidez não deixou e, gentilmente pedi aos amigos que me dessem licença, pois queria tomar um banho.

     Para meu delírio, ele disse que me acompanharia, deixando os nossos amigos á vontade... Claro que eles também estavam excitados e agradecerem essa pausa para um delicioso momento a dois...

      Já em nosso quarto, ele deitou-me sobre a cama e, retirando minha blusa, beijou-me deliciosamente. Percorreu sua boca em meu pescoço e foi de encontro aos meus seios que estavam rígidos e loucos para serem mordiscados. Mas ele não se conteve por aí e, aos poucos retirou o meu seu short e começou a beijar e a chupar o meu sexo todo lambuzado...

     Com maestria e delicadeza ele deslizava a sua língua saboreando cada pedacinho e, dando leves estocadas e deslizando sua mão em meu bumbum, fez me gemer e gozar em sua boca.

     Logo após, deixei-o maluco beijando sua boca e sugando sua língua toda lambuzada com meu gozo... Só então me abaixei e, olhando em seus olhos comecei a devorá-lo por inteiro.

     A excitação era tanta que saboreava aquele membro como se estivesse chupando um delicioso sorvete e, para provocá-lo ainda mais, pedi para que gozasse em minha boca. Comecei a apertá-lo com meus lábios e, toda tarada, engolia-o por inteiro.

     Não agüentando mais de tanto tesão, recebi o seu gozo abundante em meu rosto e, não querendo desperdiçar nada, o que escorria fora, deslizava minhas mãos e esfregava em meus seios...

     E, satisfazendo o nosso desejo, nos refizemos e tomamos um banho...

     Ao sair do quarto não encontramos os nossos amigos e, percebemos que eles também haviam se trancado no quarto ao lado... Para deixá-los mais a vontade, resolvemos sair para buscar umas pizzas...

     Pois, assim como nós, eles também tiveram um desgaste e saíram do quarto com outro apetite aflorado...

 



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 12h02 PM
[ ]





  A UOL está com problemas no sistema

de blogs e fotologs

No entanto algumas imagens

poderão não abrir!!!

Agradecemos a Compreensão,

Casal Anjo Sensual



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 11h55 AM
[ ]





Em busca de novas sensações e renovação de energias, fomos passar o final de semana num hotel fazenda. O local além de ser lindo e acolhedor, tinha o cenário perfeito para vivermos boas e deliciosas aventuras.

Chegamos ao hotel, no sábado pela manha e combinamos que já faríamos algo de especial... Já instalados no chalé, comecei a provocá-lo com palavras, gestos e carinhos. Mas não o deixei tocar em mim e, sugeri que fossemos dar uma volta.

O local é encantador e bem apropriado para casais, com piscinas aquecidas, quadras e, uma área para se fazer caminhada ladeada de flores e peixes ornamentais. O clima estava perfeito, durante o dia um calor aconchegante e a noite, a leve brisa batendo em nossos rostos tornava a noite ainda mais romântica.Durante a caminhada, confesso que cheguei a pensar inúmeras fantasias, mas ao ouvir que faríamos um almoço executivo onde, eu seria o prato principal e a sobremesa, me enchi de tesão... Louco de desejo, ele propôs que voltássemos para o chalé... É claro que eu aceitei no mesmo instante.

Mal chegamos, fui direto ao banheiro preparar a banheira e retornei ao quarto, para tirar a minha roupa... Toda nua, olhei em seus olhos, dei-lhe um beijo ardente e sugeri que ele ficasse me assistindo tomar um banho delicioso de espumas.

Em cada gesto meu, notava a reação do seu membro sob a cueca e ousava ainda mais...

Comecei tocando minhas mãos por todo meu corpo... Fiquei em pé, dentro da banheira, e continuei descendo... Sempre olhando em seus olhos, acariciei os meus seios cobrindo-os com espumas... Lentamente percorri minhas mãos em minha barriga, toquei minha virilha e, abaixei-me sensualmente, de tal forma que pudesse tocar os meus pés e pernas, e ficar com meu bumbum do jeitinho que ele gosta...

Virei-me de costas e, com as mãos repletas de espuma, comecei a acariciar meu bumbum e minhas costas... Nesse instante ouvi um delicioso gemido, mas resisti e não quis olhar para trás.

Tomava meu banho prazerosamente e, para minha alegria e satisfação, ao virar novamente de frente, percebi que ele estava totalmente nu e, enquanto me olhava, tocava o seu membro, massageando-o e deixando-o completamente duro e excitado... Ele pediu para deixá-lo entrar na banheira, mas disse que não, pois o queria na cama.

Então, já toda excitada, eu abri o chuveiro e deixei com que ele simplesmente deslizasse sua mão em mim para retirar toda a espuma... Voltamos para o quarto e toda molhada sentei-o na cama e deslizei os meus seios em seu membro, tocando a glande com minha língua, deixando-o ainda mais tarado.... Ousada mente, eu comecei a chupá-lo gostoso, ora deslizando suavemente a minha boca em toda a extensão, ora engolindo-o por inteiro... Só então eu levantei e sentei em seu colo, sentindo aquele membro duro invadir minha gruta até no fundo, dando-me prazer... 

Toda tarada e bem molhada, deixei com que ele “realizasse” todas as suas taras e fantasias, penetrando-me de diversas formas e posições... Minha excitação era tanta que, ao trocarmos um delicioso sexo oral, não resisti e gozei em sua boca...

Ele então se levantou, deu-me um beijo molhado e, num vai e vem gostoso, penetrou-me por inteira, fazendo-me gozar mais uma vez. E já não resistindo de tesão e, vendo-me saciada, retirou o seu membro de dentro de mim e o aproximou do meu rosto, não me contive e novamente comecei a chupá-lo. Lambia, mordia, beijava, apertava, sugava e chupava e, em uma dessas devoradas gostosas, pude sentir o seu gozo espirrando em minha cara, lambuzando dentro e fora da minha boca... Saciados de prazer e, mortos de fome, nos recompomos, tomamos um banho e saímos para almoçar...



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 11h17 PM
[ ]





 

Estava ali parado, olhar sem destino e pensamentos distantes e nem me dei conta que, de longe ela estava a me observar. Tentava encontrar uma solução para alguns problemas pendentes quando ela chegou silenciosamente e começou a massagear o meu ombro. Tenho que confessar que, apesar de 17 anos juntos, ainda me encanto com a maneira que ela tem de perceber e suprir a minha carência...

Ah! O calor e o toque macio de suas mãos juntamente com a suavidade de sua voz ao pé do ouvido, trouxeram-me de volta para a realidade e fizeram com que os problemas desaparecessem... É uma pena que nem todos possam ter uma mulher tão especial como a minha, acredito que o mundo seria mais feliz e que os problemas seriam mais fáceis de serem solucionados.

Sem cerimônia e com a desculpa de me fazer relaxar, ela começou a desabotoar a minha camisa e, sussurrando palavras doces e picantes, retirou toda a minha roupa. Quando dei por mim já estava deitado em nossa cama, nu e cheio de desejo. Ao fechar os olhos, pude sentir o calor de sua boca tocando a minha em busca de beijo apaixonado e revelador.

Neste instante, senti um fogo adentrar o meu corpo e o meu membro ereto, latejar de prazer.

Ah minha menina, como você é danada... Somente você é capaz de me tirar do sufoco, aliviar a minha tensão e preencher-me com tamanha excitação... E o que é pior, é que sabendo de tudo isso, você abusa e deixa sua ousadia falar mais alto. Como é bom me sentir desejado por você...

Adoro esse seu olhar de menina maliciosa, querendo me devorar... Percebendo que estou louco de desejo você parte para o ataque e, vindo para cima de mim, começa a me acariciar.

O toque de suas mãos aumenta ainda mais a excitação do meu corpo e, ao sentir a sua respiração próxima a minha virilha, já me encho de fantasias, pois sei que logo sentirei sua deliciosa língua passeando por toda a extremidade do meu membro...

Como é gostoso ser devorado por você! Adoro quando você, segurando-o firmemente com uma de suas mãos, o engoli profundamente e, ainda não satisfeita, começar a massageá-lo com os seus seios.

Adoro tocar em você e sentir o teu sexo todo molhado pulsando entre minhas pernas querendo prazer... Então, me levanto, te domino, te deito na cama e sigo em busca do teu delicioso sabor. Primeiro me afago em teus beijos e desço mordiscando o teu pescoço... Ao tocar os teus seios com minha boca, provoco, não somente a mim, mas, também em você, doces arrepios... E, ouvindo os teus gemidos, sacio toda a minha sede em teu sexo úmido e todo lambuzado. Entre sussurros e gemidos, aumento a pressão da minha língua e consigo arrancar de você o mais prazeroso prazer...

Te querendo mais do que nunca eu me refaço, dou-te um beijo e olhando em seus olhos, penetro o meu membro vorazmente dentro de você, e começo o nosso vai e vem gostoso.

E, ainda cheia de tesão, você me aperta com suas pernas e pressionando o teu sexo em meu membro, me leva ao delírio. Entre beijos e abraços, respiração ofegante e meu membro latejante entrego-me a você... Jorrando dentro de ti, o meu leite quente e viçoso.

E, com a certeza do amor e do prazer que sentimos um pelo o outro, te acalento em meus braços e felizes adormecemos, sem nos importar e preocupar com mais nada!

Ah menina, como é bom ter você e saber que sou o único na sua vida!

 

                   



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 08h59 PM
[ ]





 

POR RESPEITAR OS AMIGOS E OS AUTORES,

NOS ENCONTRAMOS NA OBRIGAÇÃO DE

RETIRAR O POST QUE GANHAMOS!!

 

 SEM SABER A QUEM PERTÊNCIA,

FOMOS ACUSADOS DE COPIÁ-LO

INDEVIDAMENTE E,

TAMBÉM FOMOS CHAMADOS DE "CARA DE PAU"

(E... SABE-SE LÁ O QUE MAIS...)

POR NÃO REPASSAR OS DEVIDOS CRÉDITOS!!

 

SE ESSAS PESSOAS TIVESSEM TIDO A GENTILEZA

DE LER O POST POR INTEIRO,

VERIAM QUE SE TRATAVA DE UM POST RECEBIDO

DE UM AMIGO QUE RESPEITAMOS.

 

 PORTANTO LEMBRAMOS QUE,

O NOSSO BLOG É PESSOAL E, QUANDO COLOCAMOS

UM TEXTO QUE NÃO SEJA DE NOSSA AUTORIA

E, SABENDO A QUEM PERTENCE, 

RESPEITAMOS SIM E FAZEMOS QUESTÃO

 DE DAR OS CRÉDITOS!

 

AO POETA, JOSÉ CARDOSO, QUE EMBORA

NÃO SE MANIFESTOU PESSOALMENTE, E SIM SUAS "AMIGAS",

QUEREMOS PEDIR AS DEVIDAS DESCULPAS E TAMBÉM

PARABENIZÁ-LO  PELA OBRA!

 

DEIXAMOS CLARO QUE, NÃO É DE NOSSO INTERESSE

COPIAR NADA QUE NÃO SEJA AUTORIZADO E, MUITO MENOS

SE PASSAR POR QUEM OS ESCREVEU!

 

ALÉM DO MAIS, SOMOS CAPAZES DE ESCREVER TEXTOS

TÃO SENSÍVEIS E SENSUAIS QUANTO.

 

DEIXAMOS CLARO QUE NÃO NOS RESPONSABILIZAMOS

POR NENHUM OUTRO BLOG!!!!

 



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 08h59 PM
[ ]





 

A noite estava fria, porém ao deitar ao seu lado, pude me aquecer em teu corpo que estava coberto simplesmente por uma cueca de seda. Confesso que ao tocar minha pele na sua, senti uma vontade louca de te lamber e te devorar, porém o cansaço falou mais alto e acabei adormecendo. Mas adormeci pensando em você e no seu membro ereto e duro.

Devo ter pensado com tanta vontade que acabei sonhando que te amava... E no sonho pude sentir você tocando o meu corpo e me despindo lentamente. O meu desejo era tanto que pude sentir sua boca mordiscando entre minhas coxas e lembro perfeitamente de sentir sua língua bailando em minha virilha e penetrando em meu sexo úmido e cheio de desejo... Ah, que delícia de sonho! A essa altura eu já estava toda molhada e pedia para você fazer-me gozar com sua língua... Confesso que tive tanto prazer que lutei para não acordar, pois, queria gozar novamente.

Ainda sonhando, ouço você me pedindo para devorar-te por inteiro, você me pedia para deslizar minha boca em seu membro e aos poucos o engolir e te apertar com meus lábios...

Mas algo de estranho aconteceu... Nesse instante, senti um cheiro de desejo invadir-me por inteira e senti que minhas mãos deslizavam em teu corpo nu.

Resisti, pois ainda não queria acordar... Eu desejava te fazer delirar e sentir você me lambuzar com teu gozo. Mas outra vez senti o teu cheiro e ouvi a tua voz me chamando calmamente, pedindo para te devorar... Então não mais achando que era um sonho, abri os meus olhos e vi a sua imagem ali parada. Você estava lindo e mais gostoso do que nunca. Seu membro? Ah, o seu membro ereto e latejante de tesão, tocava a minha boca e nesse instante pude ter a certeza que não se tratava de um sonho... Era você me desejando, se deliciando com meu corpo e saboreando do meu gozo que sua língua fizera acontecer enquanto eu dormia. Olhando em teus olhos e vendo o quanto você me desejava, parti para o ataque e deixei com que o meu lado “safadinha” falasse mais alto.

Retirei o restante da roupa que ficará em meu corpo, te coloquei sentado e ajoelhei-me no chão, para poder te devorar como você desejava.

Em busca de te dar prazer, deslizei uma de minhas mãos sobre o corpo e deixei que minhas unhas percorressem o teu peito e, mordiscando o teu mamilo, desci a outra mão até o seu membro e comecei a massageá-lo firmemente. Arrancando doces gemidos de sua boca e tremores do seu corpo...

Olhando nos teus olhos, abaixei-me e, do jeito que você gosta bem safadinha e gulosa, devorei o seu pênis. Alternei os movimentos delicados da minha língua, deslizando-a em toda a extensão, com fortes pressões dos meus lábios, sugando-o quase que por inteiro.

Louco de desejo você puxou-me pelos cabelos e levantou a minha cabeça, deu-me um beijo ousado e demorado, passeou sua língua em meus seios e dominando os meus gestos e movimentos, virou-me de quatro e penetrou-me profundamente.

Ao sentir-me possuída e a batida do seu membro penetrando completamente o meu sexo úmido e cheio de desejo, não resisti e liberei em você o meu gozo... Abusei e te provoquei até sentir a explosão do seu gozo ardente dentro de mim.

Então, deitei-me novamente em teu peito e adormeci em busca de um novo sonho!

 



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 09h36 PM
[ ]





Aumente o grau de intimidade sexual.

 

A maioria das pessoas busca a satisfação e um bom desempenho sexual, seja para agradar a si próprio ou a parceira (a), porem se esquecem que, para atingir suas metas é preciso aumentar o grau de intimidade do casal. Confira as dicas: 

Devagar e Sempre:
Sinta cada carícia e cada beijo que receber e retribua bem devagar. Fiquem atentos as reações, a respiração, e as batidas do coração de ambos. Lembre-se que: fazer amor/sexo não é participar de uma maratona, portanto, abusem das preliminares e se dêem ao luxo da admiração mutua.
 

Troca de papéis:

Já tentou imaginar o que seu parceiro sente fisicamente enquanto fazem amor? Pois bem, seu objetivo é projetar suas percepções nos corpos um do outro durante o sexo. Quando você faz isso e tenta sentir o que seu par está sentindo, as fronteiras físicas que os separam deixam de existir, criando a sensação de fusão de corpos e mentes entre ambos. Melhor ainda, este tipo de integração lhe dará a sensação de que vocês dois, juntos, são melhores do que a soma de suas partes. Vocês se sentirão mais completos, íntimos e unidos quando estiverem juntos.

De olhos bem abertos:

Se você é do tipo que fecha os olhos enquanto faz amor, saiba que está cortando a intensidade de suas sensações. Quando o casal se permite transar com os olhos totalmente abertos, a conexão aumenta. Portanto, acaricie seu parceiro enquanto mantêm os olhos abertos e focalizados um no outro. Olhem-se de maneira fixa e profunda e permitam que o amor e o desejo apareçam através deles. O contato visual deve ser mantido, inclusive, durante a penetração. Se sentir-se a vontade, mantenha os olhos abertos também na hora que for atingir o clímax. 

Invista no sexo oral:

A estimulação oral mútua permite uma completa conexão física: ambos os parceiros dão e recebem carícias ativamente e a entrega é total e irrestrita, sem pudores. A combinação de sentir o orgasmo do parceiro tão diretamente, enquanto você mesma está envolvida nas chamas de uma paixão sexual intensa, estimulará uma ligação particularmente poderosa entre vocês.

Ultrapassem as fronteiras da intimidade:

A partir do momento que sentirem-se mais sintonizados e íntimos, vai ficar mais fácil também partilhar de outro tipo de intimidade: o das fantasias sexuais. Por mais simples que isto possa parecer, essa troca de confidências só é possível entre um casal que se conhece bastante e possui uma grande conexão e confiança mútua.

Experimente colocar em ação as suas fantasias ou as do parceiro, desde que se sinta bem com a idéia. Ou apenas as imaginem juntos. Sensações novas, compartilhadas com quem se ama, aumentam a intimidade e a cumplicidade do casal.

Conversem sobre o que sentiram e verá que, tanto um quanto o outro, jamais imaginou experimentar um sexo tão gratificante. Vale lembrar: a intimidade é um processo contínuo, que exige tempo e dedicação. Quanto mais você investe nessa busca, mais sucesso obterá. Portanto, incorpore essas dicas à sua rotina sexual para manter o relacionamento cada vez melhor.

 (Texto adaptado do livro: Ficando Íntimos/Barbara Keesling)

 



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 12h02 AM
[ ]







- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 12h12 AM
[ ]





Na Cama

 

Em silêncio nos tocamos...

Os meus lábios passeiam por teu peito.

Subo beijando seu pescoço,

Com a língua brinco entre a tua boca e teu rosto.

Percorro tua face, beijo tua boca devagar e,

Aos poucos te sugo.

Sinto tuas mãos me puxarem, me envolvendo,

Bailando por minhas costas nuas.

Um cheiro de desejo invade o ar,

minhas mãos deslizam por teu corpo,

a procura de novas sensações,

querendo ouvir teus gemidos,

me chamando, me querendo, me pedindo.

Seus lábios alcançam meu peito arfante,

meus seios intumescidos sentem

a tua boca úmida e quente,

me fazendo querer ser devorada.

Continuas a tua descida rumo ao infinito prazer

escorregando os lábios, por minha cintura,

indo por entre as coxas,

que se abrem e me fazem contorcer os quadris em delírio.

Meu sexo arde de tanto desejo.

Num impulso levantas a cabeça e o corpo,

deita-se manso sobre mim,

veloz me domina, domando os meus galopes,

penetras em mim, me possui....

Até chegarmos à explosão do gozo ardente

dos que amam e são cúmplices no prazer.

(escrito por Kika Perez)



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 09h19 PM
[ ]





 

A tarde estava fria, porém ela chegou cheia de charme, esbanjando sensualidade e, apalpando-me gostoso empurrou-me contra a parede e me beijou deliciosamente, percebi que ela me desejava, então tratei de deslizar minha boca em seu pescoço e beijando-o pude senti sua pele arrepiar-se. Porém ela afastou o pescoço e disse que era apenas para eu sentir, pois, queria me dar prazer.

Confesso que adoro vê-la assim e, sem pensar duas vezes, permiti com que ela me dominasse e pude sentir a deliciosa manifestação do meu membro. Enquanto sugava seus lábios e a beijava loucamente ela acariciava o meu membro duro e ereto.

Sentindo a minha excitação ela ajoelhou-se e maravilhosamente deslizou sua língua por toda a extensão, contornando as minhas bolas e, lentamente subindo, mordiscava a minha glande... Devorando-me maliciosamente e saboreando-o com gosto, alternando entre movimentos suaves e ferozes, ela o engoliu por inteiro.

Ao sentir que estava prestes a explodir, ela segurou-o com firmeza e aumentou a pressão dos lábios e, olhando em meus olhos pediu para eu gozar em sua boca.

O tesão estava incontrolável então deixei o meu gozo sair, lambuzando sua boca e espirrando em seu rosto.

Vendo a felicidade explicita em seu rosto, a peguei no colo e deitei no sofá, lentamente abri sua blusa e toquei os seus seios que estavam deliciosos e todo arrepiado. Nesse instante, pude sentir os tremores do seu corpo anunciando que seu gozo estava para chegar então, abaixei sua saia e, olhando em seus olhos, retirei sua calcinha apertando-a em minha mão... Percorri a outra mão e ao tocar em seu sexo quente e úmido penetrei-a com meus dedos e a fiz gemer de prazer.

Deixei-me contagiar com seu delicioso aroma e novamente tarado, deslizei minha língua tocando toda a extensão do seu corpo. Passeei entre seus seios, suguei sua barriga deixando-a molhada, e assoprei, só para vê-la arrepiada... Desci até sua virilha e a beijei gostoso.

Ainda com meus dedos dentro da sua gruta molhada a massageei com minha língua. Causando deliciosas sensações e fazendo-a gozar. Não satisfeito, segurei em sua cintura e beijando sua boca, virei o seu corpo contra o meu, deixando-a de quatro e, alternando os movimentos, a penetrei profundamente. E nessa posição, pudemos desfrutar o melhor de todos os prazeres, pois, chegamos ao gozo juntos.

Eu jorrando o meu gozo dentro dela e ela, deixando em mim o seu delicioso mel escorrer! 

 



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 08h25 PM
[ ]





 

Já era tarde quando resolvi tomar um banho, ao sair do banho coloquei somente o meu roupão, sem mais nada por baixo. Voltei para o quarto e a vi deitada de bruços, escrevendo seus contos e saboreando uma taça de salada de frutas com chantili.

Não resisti, pois, vê-la naquela posição e com aquela roupa, encheu-me de desejos e pensamentos. Deitei-me sobre seu corpo, e percorrendo a minha língua em seu pescoço, deixei-a completamente arrepiada.

Deslizei minhas mãos em toda a extensão do seu corpo e, toquei levemente a lateral dos seus seios. Num breve movimento ela virou-se e olhando em meus olhos, desamarrou o meu roupão, deixando a mostra o meu membro todo ereto. Deliciosamente ela o acariciou e beijando-me ardentemente começou a massageá-lo, provocando-me deliciosas sensações.

Então ela percorreu meu corpo, beijando meu pescoço e continuou descendo até tocar sua língua em meu membro, brincando com a glande e, olhando em meus olhos, abocanhou-o por inteiro, sugando-o intensamente. Confesso que tive que fazer um esforço tremendo para não encher aquela boca maravilhosa com meu gozo.

Pedi para ela se levantar e, já toda nua, fiquei brincando em seu corpo, deslizando minha mão com um pouco do chantili que ela degustava.

Ela entrou na brincadeira e, começou a lambuzar seu próprio corpo e, safadamente pedia para eu limpa-la com a língua.

Primeiro lambuzou seu bico, que estava rígido e todo arrepiado...  Depois, o canto da sua maravilhosa boca... Ousou e passou sua mão recheada de chantili em seu bumbum... E, como ela estava louca de desejo, pensei que iria lambuzar seu sexo para que eu pudesse chupá-la gostoso, mas me enganei... Ela, ousadamente lambuzou o meu membro, deixando-me sem ação... Mas, minha ousadia foi maior e, todo excitado esfreguei o meu membro lambuzado em sua grutinha do amor!

Ela riu e disse que isso não valia, portanto, lambuzei o meu dedo e coloquei em sua boca. Fazendo caras e bocas ela o lambeu gostoso e eu, aproveitei para limpa-la...

Comecei sugando entre suas coxas, percorri em seu bumbum e, deixei-a completamente louca de desejo quando penetrei minha língua em seu sexo todo lambuzado... Quer dizer, estava bem lambuzado, pois, se não bastasse o chantili, ela estava completamente molhada.

E, toda excitada disse-me suas doces palavras mágicas, "Vem, estou louca de desejo... Vem que te quero e sou toda sua".

Então, penetrei-a vagarosamente até o fundo, fazendo com que ela gemesse de prazer. Me excitei ainda mais com a sua reação e procurei, num vai-e-vem intenso, dar o máximo de prazer, fazendo-a delirar e gozar por diversas vezes, tendo seus orgasmos gostoso.

Ela levantou e pediu para eu me sentar, depois se virou e vindo ao meu encontro, sentou em meu membro e começou a cavalgar... Senti que a penetrava completamente e, segurando em seus seios, gozei abundante dentro dela... Ela se levantou, olhou dentro dos meus olhos, beijou-me gostoso e caiu desmaiada de prazer.

 



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 09h24 PM
[ ]





Era noite, e estávamos como sempre, muito excitados...

Para apimentar a relação, resolvemos fazer um joguinho, onde um tinha que dizer uma palavra e outro, fazer uma “deliciosa declaração”, não precisava ser de amor, pois essa nós trocamos todos os dias, a todos os instantes e todas as noites; mas a idéia principal era deixá-lo cada vez mais tarado e, é claro que consegui...!
As horas foram passando e, no meio do jogo eu já estava toda molhada... Queria senti-lo dentro de mim e delirar com seus movimentos, não via ha hora de cavalgar em seu membro ereto e tarado... Percebi que ele também não agüentava mais de tanto tesão, então, num gesto ousado e bem safadinho comecei a me tocar e, apaguei as luzes, deixando somente a luz do abajur,  coloquei uma musica e lentamente fui retirando toda a minha roupa.

No começo, queria só provoca-lo, porém, os movimentos no ritmo da música e os toques das minhas mãos em meu próprio corpo, deixaram-me toda arrepiada e tive que me controlar para não ter um orgasmo, pois queria lambuzar todo o seu membro com o meu gozo.
Ao ver-me daquele jeito, ele veio para cima de mim e começou a me beijar, confesso que adorei, mas tentei desviar, pois queria provocá-lo muito mais.

Tudo em vão, ele firme em meus braços e beijando-me falou: “Você não quer provocar? Então, agora eu é que vou provocar você...”.

Deitou-me na cama e começou a deslizar a sua língua em meus seios... Uma vez e outra ela mordia os meus bicos, deixando-me ainda mais arrepiada e fazendo com que ficassem mais salientes...

Disse a ele que eu estava louca de desejo e, pedi a ele que me chupasse, porém, ele foi categórico em dizer que queria me provocar ainda mais...

Uma sensação de prazer e raiva me dominou e, apesar da excitação, acabei aceitando, já que ele estava apenas retribuindo o que eu havia feito.

Sentir sua língua percorrendo o meu corpo, seu membro ereto e duro tocando em minha perna, e ouvir suas palavras picantes ao pé do ouvido, deixou-me completamente alucinada... Não segurei e, sem penetração, somente sentindo sua boca tocar os meus seios e completamente dominada, eu não resisti e liberei toda a minha excitação.

Ele continuou a me tocar e, deitando-se sobre mim, e com sua mão, começou a massagear o meu clitóris... Estava toda lambuzada, mas, mesmo assim ele continuou percorrendo o meu corpo com sua língua. Ao sentir sua boca me sugando, flutuei e comecei a ter novamente um delicioso orgasmo... Ele, louco de desejo, penetrou-me com seu membro tarado e, com uma pressão prazerosa, gozou junto comigo... O jogo de sedução deu espaço ao prazer e totalmente saciados, relaxei o meu corpo próximo ao dele e agarrados, dormimos até o amanhecer.

 

                            



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 01h02 AM
[ ]





       

Há 17 anos atrás, eu com apenas 15 anos de idade, fui convidada para trabalhar numa empresa multinacional, tendo aí o meu primeiro registro em carteira e a minha primeira profissão. Apesar da pouca idade, já era muito responsável. Movida pelo destino e pelas peças que a vida nos prega, fui obrigada a crescer antes do tempo, pulando da fase de menina para a fase adulta...

Quando resolvi aceitar o desafio do novo emprego, estava precisando dar uma reviravolta em minha vida, pois, enfrentava uma fase sentimental muito complicada, onde eu via o garoto que eu achava que gostava ficar noivo de outra e, nessa minha transição de sentimentos, encontrei o amor da minha vida!

Já no primeiro dia de trabalho, fui apresentada para quase todos da empresa, menos a ele... Pois como eu iria ser sua secretária, eles queriam ver o meu desempenho e a minha capacidade antes de eu assumir a minha função. Os boatos começaram a correr e, “a garota de pouca idade” recém contratada na empresa já causava alguns murmurinhos e ciúmes nos bastidores e, não demorou muito para o destino nos colocar frente a frente...

Naquele dia, eu estava concentrada mais do que o normal e não percebi quando ele chegou por trás e pediu para uma amiga que me apresentasse. Na hora em que olhei em seus olhos, senti o mundo parar e o meu coração disparar. Como o nervosismo era tanto, mal consegui prestar atenção em suas palavras, somente guardei o seu nome: PAULO!

Foi amor à primeira vista... Claro que tive que ser transferida para outro departamento, pois por motivos óbvios, não me permitiram trabalhar com ele. Porém, desde aquele dia até hoje, já se passaram 17 anos e, no próximo dia 12, fará 17 anos que estamos “namorando”. Apesar das influências negativas, vindas de pessoas que adorariam nos ver separados, “nunca” nos separamos e, se somar todos os dias em que ficamos sem nos ver, não chega há uma semana.

 

Meu Amor...

   Há 17 anos atrás, eu ainda menina na idade e tão adulta nos pensamentos e sentimentos, encontrava em você o meu príncipe encantado... O meu amigo e, o meu namorado...

   Há 17 anos atrás, me encantei com teus beijos e com o teu olhar...  Encantei-me com a tua amizade, com a tua educação, com os teus gestos de carinho e com o romantismo que sempre foi presente em nossa união.

   Há 17 anos, me encantei com tua responsabilidade, pois, você era igual a mim, jovem na idade (tinha apenas 21 anos), mas com um cargo de confiança e responsabilidade de fazer inveja a qualquer pessoa mais velha.

   Há 17 anos atrás, me apaixonei perdidamente por você e sonhava, um dia, poder me tornar sua esposa, sua amiga e companheira, ser e a mãe dos teus filhos (o que após uma difícil batalha, conseguimos)... Há 17 anos eu sonhava dividir com você os meus momentos tristes e felizes, o respeito mútuo e principalmente a fidelidade e honestidade...

   Há 17 anos atrás, ousei e sonhei... E depois de 3 anos e meio, quando nos casamos, vi o meu sonho se transformar em realidade...

   Digo que por ser sua esposa, sou a mulher mais feliz do mundo, mas ter o teu respeito, o teu amor e a tua amizade, me torna a mulher mais feliz de todo o universo...

   Hoje, eu sou essa mulher madura, batalhadora, sonhadora, dona dos meus ideais e das minhas atitudes, que não desiste nunca e que protege com a garra e a coragem de uma fera a união, o amor e a felicidade da nossa família... Modéstia a parte, eu sei que sou a responsável pelos teus momentos de prazer e realização como homem e como pessoa e isso, alimenta ainda mais a minha coragem e força e torna-me muito mais feliz...

   Agradeço a Deus por ter me dado você e por permitir que vivamos nossa história debaixo das bênçãos dele.

   Há 17 anos eu, com muito orgulho e sem vergonha nenhuma, digo com todas as letras, que Pertenço a Você... Só a Você...! Sou e Serei Sempre, Só Sua! ...Eu te Amo Muito, sua Pit

                                 



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 08h43 PM
[ ]





   

Inicio de noite volto para casa e, como sempre, encontro um delicioso jantar sobre a mesa. Hum... Delicioso tanto como tudo mais que ela faz!  

Apesar de estar cansado, me animo ao vê-la sensualmente produzida. Usava uma camisa transparente, que propositalmente deixou com alguns botões abertos para ressaltar seu novo e belíssimo lingerie todo rendado, vestia uma calça jeans justa, que moldava o seu corpo, deixando-a ainda mais linda...

Durante o jantar, trocamos olhares maliciosos e carinhos ousados... Meus olhos pareciam estar hipnotizados, pois por mais que tentava, não conseguia desvia-los de seus seios.

Com o pretexto de ajudá-la arrumar a cozinha, fiquei observando seus movimentos e esbarrando minhas mãos em seu corpo.

Ousei e arrisquei a interrompê-la, pegando em seus braços e puxando-a para junto de mim, beijei sua boca. Ela respondeu, pressionando o seu corpo contra o meu e deslizando suas mãos em minha nuca.

Fui ao delírio e sentindo a sua respiração ofegante, deslizei minhas mãos em seu corpo suave...  Ela retribuía cada gesto meu, com um delicioso gemido, deixando-me ainda mais excitado.

Senti que ela também estava tarada quando, num movimento ousado, levou minha boca em direção aos seus seios, fazendo beija-los e pedindo para mordiscá-los.

Meu tesão estava incontrolável então, a peguei no colo e deitei-a sobre a mesa, retirei sua blusa e, sugando os seus mamilos, e se não fosse suas mãos puxando o meu cabelo e afastando minha boca, a teria feito gozar.

Ela sentou e, acariciando as minhas costas com suas unhas, abaixou minha cabeça em direção ao seu sexo, que estava sedento e completamente molhado. Deslizei a minha língua em toda extensão de sua perna, beijando a parte interna de sua coxa, pude sentir os seus arrepios e tremores... Toquei-a lentamente com minha língua, deixando-a ainda mais excitada e explodindo de tanto tesão.

Ela se virou e, ficando numa posição maravilhosa, penetrei-a profundamente, alternando movimentos fortes e lentos, a fiz gozar intensamente.

A visão deliciosa, o toque suave de suas mãos em minhas bolas e o rebolado gostoso do seu corpo em meu membro, deixou-me ainda mais com vontade e, segurando em seus cabelos e puxando-os para trás, gozei... Jorrando todo o meu gozo dentro daquele corpo que me deixa louco de tesão e saciado de prazer...

Ah, essa mulher... Essa mulher é a minha vida... É única e exclusiva!  Somente ela é capaz de me dar prazer e me fazer enlouquecer!

                    



- Rabiscado by: ¨.¨}Cláudia e Paulo{¨.¨ às 10h12 PM
[ ]